Skip Ribbon Commands
Skip to main content
SharePoint

 

Seguinte 
 
Anterior 
 

TÍTULO IV

Da execução fiscal

CAPÍTULO I
Disposições gerais


SECÇÃO I
Do âmbito


Artigo 148.º
Âmbito da execução fiscal

1 - O processo de execução fiscal abrange a cobrança coerciva das seguintes dívidas:

a) Tributos, incluindo impostos aduaneiros, especiais e extrafiscais, taxas, demais contribuições financeiras a favor do Estado, adicionais cumulativamente cobrados, juros e outros encargos legais;

b) Coimas e outras sanções pecuniárias fixadas em decisões, sentenças ou acórdãos relativos a contra-ordenações tributárias, salvo quando aplicadas pelos tribunais comuns.

c) Coimas e outras sanções pecuniárias decorrentes da responsabilidade civil determinada nos termos do Regime Geral das Infracções Tributárias. (Redacção dada pela  Lei n.º 3-B/2010-28/04)

2 - Poderão ser igualmente cobradas mediante processo de execução fiscal, nos casos e termos expressamente previstos na lei:

a) Outras dívidas ao Estado e a outras pessoas colectivas de direito público que devam ser pagas por força de acto administrativo;

b) Reembolsos ou reposições.

c) Custas, multas não penais e outras sanções pecuniárias fixadas em processo judicial. (Redação dada pela Lei n.º 27/2019, de 28/03)
                       

Versão em vigor até:
→ março de 2019
→ abril de 2010
                   •••
Contém as alterações seguintes:
Lei n.º 27/2019, de 28/03
Lei n.º 3-B/2010, de 28/04
                    •••
              
versão de impressão