Autoridade Tributária e Aduaneira
 
Seguinte
Anterior

Artigo 32.º
Declaração de alterações

1 - Sempre que se verifiquem alterações de qualquer dos elementos constantes da declaração relativa ao início de actividade, deve o sujeito passivo entregar a respectiva declaração de alterações.

2 - A declaração prevista no n.º 1 é entregue em qualquer serviço de finanças ou noutro local legalmente autorizado, no prazo de 15 dias a contar da data da alteração, se outro prazo não for expressamente previsto neste diploma.

3 - O sujeito passivo fica dispensado da entrega da declaração mencionada no n.º 1 sempre que as alterações em causa sejam de factos sujeitos a registo na conservatória do registo comercial e a entidades inscritas no ficheiro central de pessoas colectivas que não estejam sujeitas a registo comercial. (Redacção dada pelo artigo 119.º da Lei n.º 64-B/2011, de 30 de Dezembro)



Nota - Corresponde ao art.º 31.º, na redacção anterior à revisão do articulado, efectuada pelo Decreto-Lei n.º102/2008, de 20/06.

 

Versão em vigor até:
Dezembro de 2011
Abril de 2009
                   •••
Contém as alterações seguintes:
Lei n.º 64-B/2011 - 30/12
DL n.º 122/2009 - 21/05
                   •••


 


versão de impressão